Um papo com a Negra Rosa

Hoje temos uma convidada que, desde 2010, através do blog e do canal no YouTube, faz um conteúdo muito bacana sobre estética e empoderamento da mulher negra: Rosangela Jose da Silva, a Negra Rosa.

Foto: Facebook Negra Rosa.

Em setembro de 2016, a Rosa (já na intimidade…rs) lançou a coleção de batons Negra Rosa, que foi desenvolvida especialmente para mulheres negras. Então, com a cara e com a coragem, eu convidei essa mulher inspiradora, empreendedora e super gente fina para bater um papo com a gente.

Gabi: Quando surgiu a ideia de criar a sua linha de batons?
Rosa: No final de 2015.

Gabi: Conta um pouco sobre o desenvolvimento dos produtos. Quais foram os critérios para a escolha da textura, cobertura e fixação?
Rosa: Sobre o desenvolvimento, primeiro eu pensei nas cores que eu queria nos meus primeiros batons, pensadas para as mulheres negras. Depois, eu levei as cores para a fábrica e, em reunião com a química, demos o primeiro passo para ela fazer as amostras baseadas no que eu queria.

A cobertura foi um fator muito importante pra mim, por isso escolhi primeiro a textura semi-matte, pois você consegue entregar mais cor nessa textura. Como muitas mulheres negras têm os lábios mais escuro, foi de suma importância que a cobertura dos batons fosse bem forte.

A textura semi-matte é mais confortável ao passar, e nisso eu pensei em mulheres negras de diversas idades que não curtem um batom super seco. Já a fixação dos batons também foi pensada para o batom durar o máximo possível.

Foto: Facebook Negra Rosa.

Gabi: E as cores? Como foram escolhidas?
Rosa: No começo foram três batons, que foram lançados em setembro de 2016 um vermelho, eu amo batom vermelho e era óbvio que na minha linha precisava ter. Um marrom, pensei num marrom que fosse um nude para mulheres negras com tom de pele mais escuras e elas estão amando. Um cinza, eu sempre quis um batom cinza, mais que ficasse cinza mesmo e não aquela coisa “esbranquiçada” como tinha no mercado, aí depois eu pensei que eu queria também que fosse um cinza mais escuro para atentar mais mulheres negras e fiz ele um tom mais escuro.

Gabi: Badu, Kinah e Makena são nomes africanos, certo? O que significam?
Rosa: Sim, são nomes africanos. Badu é poderosa, Kinah é obstinada/empreendedora e Makena é A Feliz.

Gabi: Há planos para ampliar a linha de produtos? O que podemos esperar da marca Rosa Negra em 2017?
Rosa: Sim, depois do lançamento de setembro, eu lancei em novembro de 2016 os batons líquidos com efeito Gloss “Doce de Leite” e “Uva” e, em dezembro de 2016, lancei o líquido metalizado “AYO”.

Foto: Facebook Negra Rosa.

Rosa: Para 2017 temos muitos planos, já começamos o ano lançando 4 batons em bala com textura matte. E estamos trabalhando para novos lançamentos.

Foto: Facebook Negra Rosa.

Os batons Negra Rosa são registrados na Anvisa e não são testados em animais. A coleção é vendida no site: www.negrarosaloja.com.br.

Muito legal, né gente? Eu comprei a coleção dos batons líquidos e a minha resenha, em vídeo, sairá em breve. Fiquem ligadas e inscrevam-se no meu canal para acompanhar!

Beijos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *